Sobre os noivos

"E que a minha loucura seja perdoada... Porque metade de mim é AMOR... e a outra metade também!!!"

Imagem Sobre

Ele e eu (pela noiva):

E aí nos conhecemos. Era setembro, e eu fui fazer estágio em uma usina de açúcar no meio do canavial. Foi lá que vi aquele menino, com um sorriso desconfiado e conversa fácil. Depois de muito papo sobre as atrações da região, me convidei pra gente fazer alguma coisa no fim de semana. Funcionou! Fomos a um churrasco na casa de um amigo dele; foi mega divertido e tem muita história pra contar. Naquele dia.... tudo começou!

Me apaixonei por aquele garoto que tem toda garra do mundo, que luta, que vai em busca dos seus sonhos... me apaixonei pelo menino que me completa, que me equilibra. Me apaixonei mesmo não querendo apaixonar. Me apaixonei pelo olhar que me deseja, pelo olhar que me respeita. Me apaixonei e a paixão se transformou em amor.

Poderia ficar horas falando sobre a gente, mas, nada disso seria suficiente para descrever esse momento único que vivemos, porque sempre haveria mais uma linha, mais uma estrofe, mais um detalhe…

 

Ela e eu (pelo noivo):

Em um dia como outro qualquer do mês de setembro de 2011, me deparo com uma garota sorridente e simpática no restaurante da empresa que trabalhava, começamos a conversar a partir deste dia. Papo vai, papo vem e foi aí que ela “se convidou” a sair comigo, e eu claro, aceitei.

Foi no dia 17 de setembro de 2011, em um churrasco entre amigos o dia do primeiro beijo; deste dia em diante não nos desgrudamos mais. Mesmo não querendo nos apaixonar, foi inevitável. Me apaixonei por uma menina simples, cheia de alegria, simpatia, guerreira e que sempre busca seus sonhos e objetivos. Veio dela a parte que faltava em mim, a minha outra metade, o meu par perfeito, a mulher que me incentiva a sempre buscar os meus sonhos, minha companheira, amiga, namorada, noiva e a partir do dia 22 de julho, minha esposa.

Aquele romance que iria durar apenas alguns meses (no final do estágio ela iria embora para "Tcho Tcho"), se transformou em namoro, e hoje caminha para o final feliz que escolhemos para nós, nosso casamento, nossa união para selar o que Deus nos proporcionou, um amor infinito.